Conheça as diferenças entre os tipos de empreendedorismo

Empreendedorismo é a essência de ideias inovadoras e a capacidade de idealizar projetos. Assim, é possível gerar oportunidades de negócios por meio de visão estratégica, metodologias e criatividade.

O empreendedor, por sua vez, se trata da ação, capacidade e atitudes para que as ideias sejam colocadas em prática. Segundo Michael Dell, “Você não precisa ser um gênio, um visionário ou até mesmo formado na universidade. Você precisa apenas de uma estrutura e um sonho”.

 

Empreendedorismo

 

A contribuição de empreendedores para soluções eficientes, estimulando o desenvolvimento e ampliando a base tecnológica, faz possível identificar os tipos de empreendedorismo. São eles:

1. Empreendedorismo Corporativo

Refere-se a implementação, desenvolvimento de soluções e criação de serviços e produtos em empresas já estabelecidas no mercado, promovendo a inovação.

2. Empreendedorismo Individual

O empreendedorismo individual é, no mundo dos negócios, o mais conhecido, e refere-se à criação de novas empresas. O proprietário, neste caso, trabalha sozinho ou somente com um funcionário.

3. Empreendedorismo Social

Aquele que objetiva promover mudanças por intermédio da inovação no âmbito social. Assim, é possível gerar desenvolvimento, melhor qualidade de vida e acesso à cultura.

Ser empreendedor é desenvolver um conjunto de características que auxiliam a empreender um negócio. Entre elas, podem-se citar:

  • Imaginação

Desenvolver a imaginação é essencial. O empreendedorismo inclui a boa criatividade, capacidade de solucionar problemas de maneira inovadora e pensar fora da caixa.

  • Determinação

Pessoas empreendedoras possuem ousadia e determinação para aplicar suas ideias. Assim, são movidos pela autorrealização e estão em constante busca por melhorias.

  • Mantenha seu propósito em foco

Uma das principais características de empreendedores é a capacidade de manter o foco em objetivos, a fim de nunca perder de vista os propósitos.

  • Autoavaliação

A autoavaliação é necessária para entender o posicionamento diante das ações e identificar a capacidade de conquistar novas habilidades. É refletir sobre o quanto se arrisca e qual a vontade de ser protagonista do próprio futuro.

  • Habilidade de organizar

É necessário desenvolver as habilidades de organização visto que o mercado atual exige constante adaptação aos planos do negócio. Utilizar aplicativos que aumentam a produtividade auxiliam a gestão de tempo e a organização do empreendedor.

  • Habilidade de liderar pessoas

Empreendedores são líderes naturais, visto que a liderança de um mercado é um dos fatores essenciais para empresas. Deste modo, assumindo tal papel, alcançam-se melhores resultados e funcionários mais valorizados.

  • Habilidade de conhecer tecnicamente etapas e processos

Conhecer etapas e processos é possuir uma visão de todo o processo e pensamentos estratégicos, visando a solução de problemas antes que eles aconteçam.

Texto escrito por Lorena Hanna, Consultora de Projetos da PUC Consultoria Jr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *