5 coisas para saber antes de abrir sua empresa

O desejo de empreender, e não seguir carreira tradicional, está se tornando cada vez maior entre os brasileiros.  A ideia de possuir o próprio negócio no ramo em que gosta tem fomentado o empreendedorismo, entretanto, existem fatores que diferenciam as empresas que obtêm sucesso das que fecham. Afinal, ter força de vontade e uma boa ideia é apenas o primeiro passo. De acordo com o IBGE ao abrir sua empresa, de 10 empresários, apenas 6 mantêm seu negócio de pé após 5 anos. Mas em que pontos os empreendedores estão falhando?

A PUC Consultoria Jr. elencou 5 fatores que todo empreendedor em potencial deveria saber antes de abrir um negócio próprio, independentemente do tamanho e do tipo de empresa.

1. Conheça bem o seu produto

Ter conhecimento de como o seu produto estará situado no mercado do ramo de atuação é de extrema importância. Qual será o seu diferencial competitivo? Por qual aspecto você quer se destacar? O empreendedor precisa ter domínio das características do seu produto para explorá-las da melhor maneira possível, no marketing, por exemplo.

2. Conheça bem o seu cliente e saiba do que ele precisa

Os clientes não buscam produtos, e sim soluções para seus problemas. Conhecer o seu cliente é tão importante quanto conhecer o seu produto. Portanto, descubra quais são as necessidades e desejos do público que pretende alcançar. Nesse sentido, realizar uma Pesquisa de Mercado é uma excelente forma de obter informações sobre o seu potencial mercado de atuação.

3. Planeje financeiramente

Investimento inicial, despesas e custos, capital de giro e lucro são aspectos cruciais a serem conhecidos e planejados ao abrir sua empresa. Não realizar um Estudo de Viabilidade Econômica de um negócio pode levá-lo à falência. Semelhantemente, é essencial ter esse controle financeiro durante toda a existência do empreendimento.

4. Escolha um bom sócio

Ter conhecimento de quando é preciso ter um sócio e como escolhê-los faz toda a diferença. Apenas o dinheiro e a afinidade com a pessoa não são itens suficientes para formar uma sociedade. O mais importante é que os valores e a visão de ambos sejam alinhados e que eles saibam se comunicar da melhor maneira possível.

5. Ajuda externa é importante

São muitos pontos para se atentar antes de abrir sua empresa, e, muitos deles, áreas em que o empreendedor não domina. Por isso, procurar ajuda externa traz resultado e organização. Assessoria jurídica, contábil e consultoria nas áreas destacadas acima, por exemplo, são formas de auxiliar o empresário na tomada de decisões mais adequadas.

Powered by Rock Convert

Planejamento. Por fim, essa é a palavra que resume os principais pontos em que os empreendedores têm falhado e é a base de todas as dicas destacadas no texto. De acordo com o estudo Causa Mortis, publicado pelo Sebrae-SP,  mais da metade dos empreendedores não realiza um Plano de Negócios antes de abrir o seu empreendimento, sendo ele primordial. Por outro lado, entre as empresas que permanecem em atividade, 69% delas dedicaram mais de seis meses ao planejamento antes de abrir suas portas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *